segunda-feira, 2 de julho de 2012

Universo

Existe um universo
no verso
de tanto existir.
Um Deus que alimenta as almas
e acalma as chamas
que roubam a calma
dos dias de sol.

Um verso que canta
a fuga das horas
a solidão da dor
e o encontro do tempo
que chora
as folhas de outono no chão.

Meu universo
não versa com a serenidade
de dias claros,
tagiversa nas poças de águas da chuva
e nas gotas que se equilibram nas folhas
das árvores
molhadas de tantas nuvens.

Existe um universo
nos versos
dos versos do que sei dizer.

Helena Rosali